ASSERGS aponta a importância do teste hidrostático em mangueiras de incêndio

20/09/2021

 

As mangueiras são uma das principais armas do Corpo de Bombeiros no combate às chamas. De acordo com a NBR 12779, a manutenção e o teste hidrostático em mangueira de incêndio garantem que esteja sempre em condições de uso. O teste hidrostático nas mangueiras de hidrante serve para verificar a possibilidade de vazamentos ou danificações geradas pelo tempo. Além disso, manter o teste hidrostático em dia, previne que você não tenha problemas caso seu condomínio ou empresa passe por uma fiscalização ou com o Corpo de Bombeiros na hora de obter ou renovar o seu APPCI.

 

Partindo da inspeção, e em caso de necessidade da manutenção, o teste visa garantir que o equipamento esteja nas condições mais adequadas para uso nas situações necessárias. Caso seja identificado algum vazamento nas extremidades ou anéis que não estão devidamente prensados, um processo chamado Empatação é realizado, em que ocorre a fixação da mangueira na união de um anel de cobre.

 

O teste hidrostático tem validade de 1 ano, sem exceção. Além disso, a cada 6 meses deve ser feita uma inspeção visual nas mangueiras, para garantir sua integridade, caso haja necessidade de uso. Essa inspeção pode ser feita por uma pessoa leiga, e serve apenas para verificar se não há cortes ou furos na mangueira.

 

O teste deve ser conduzido por uma empresa qualificada e registrada no INMETRO, podendo ser realizado no local ou na empresa responsável. A ASSERGS presta esse serviço e está à disposição para esclarecer quaisquer dúvidas.

 

Informações: Ramom Haas, diretor do Grupo Empresarial ASSERGS. CREA RS: 236689

 

Contato: (51) 99133-2908 

 

Fonte: ASSERGS

› Compartilhe

— LEIA TAMBÉM —

novidades

Receba nossas novidades. Cadastre-se gratuitamente.

Top