A Parceiros Voluntários Unidade São Leopoldo, alinhada com os valores da ONG, apoia atividades desenvolvidas localmente.

  • Sendo um Voluntário na Prática
  • Sábado Solidário
  • Criança Cidadã
  • Reunião de Conscientização
  • Tribos na Trilha da Cidadania
  • Abrace Sua OSC

Sendo um Voluntário na Prática

A atividade propicia o contato direto com o público atendido pelas organizações sociais, sendo que os voluntários se organizam em grupos para levar alegria, afeto e atenção para crianças, adolescentes e adultos em situação de vulnerabilidade social.
Voluntários mobilizados: média de 20 voluntários por mês
Público atendido: 38 idosos do Pensionato Sono Tranquilo

Sábado Solidário

 iniciativa é uma das mais importantes fontes de arrecadação de alimentos para o combate à fome na região Vale do Sinos e coordenada pelo Banco de Alimentos de São Leopoldo. Diversas entidades participam, dentre elas a Parceiros Voluntários, que mobiliza voluntários para incentivar doações da comunidade.
Ponto de arrecadação da Parceiros Voluntários: Macromix Atacado (Av. João Corrêa, 1827 – Centro – SL)
Voluntários mobilizados: média de 26 voluntários por mês.
Arrecadação: média de 350 kg de alimentos por mês.
Entidades beneficiadas: 53 organizações sociais cadastradas junto ao Banco de Alimentos.

Criança Cidadã

Criado em 2004, o projeto reúne crianças e adolescentes no Grupo de Artilharia de Campanha Autopropulsado (16º GAC-AP) para um dia de cidadania, voluntariado e preservação do meio ambiente.
Nº de participantes: média de 700 crianças por ano.
Voluntários mobilizados: média de 30 voluntários.

Reunião de Conscientização

Na Reunião de Conscientização, o candidato a ser voluntário recebe todas as informações necessárias para o desenvolvimento da sua atividade. São tiradas dúvidas para que compreenda melhor a importância do Voluntariado Organizado. Neste encontro, são escolhidos/identificados  quais as causas ele mais se identifica e também é indicado o que deseja fazer e o tempo que pode disponibilizar para ajudar o próximo. São passados os conceitos de Responsabilidade Social Individual, as crenças que deve ter um voluntário e como funciona na prática o Trabalho Voluntário Organizado. Após o bate-papo, A Unidade Parceiros Voluntários identifica em quais Organizações suas habilidades estão sendo necessárias ou que poderão ser aproveitadas.

Tribos na Trilha da Cidadania

Projeto Tribos na Trilha da Cidadania

 

O QUE É “TRIBOS”?

Tribos é uma ação de mobilização social feita por crianças e adolescentes que querem transformar a realidade. Eles se reúnem, escolhem uma Trilha (Educação para a Paz, Meio Ambiente ou Cultura) e fazem ações voluntárias na comunidade, contribuindo para uma sociedade com atitude voluntária.

TRILHAS

Educação para a Paz

É necessário haver uma produção cultural da paz, um conjunto de valores, atitudes, comportamentos e estilos baseados em fatores como o respeito à vida, a prática da não violência, o combate à exclusão, a defesa da liberdade de expressão e da diversidade cultural, a promoção de um consumo responsável e de um modelo de desenvolvimento sustentável, a participação e o respeito aos princípios democráticos, com o fim de criar, juntos, novas formas de solidariedade.

Meio Ambiente

A nossa sobrevivência depende de ações preventivas e saneadoras para resgatar o equilíbrio ecológico. Desenvolver ações nesse sentido é o que propõe a Trilha do Meio Ambiente. O cuidado do planeta não depende apenas dos governantes e de grandes projetos, mas também de pequenas ações, ao nosso alcance, com consequências e impactos imediatos no meio ambiente.

Cultura

Assim como há uma preservação e cuidado com o meio ambiente, é necessário também preservação e cuidado com o patrimônio cultural de um povo. E esta é a proposta da Trilha da Cultura, permitir que as comunidades possam reencontrar a si mesmas pela ação voluntária da juventude, resgatando suas raízes culturais.

 

Abrace Sua OSC

O Projeto Abrace sua OSC é uma ação da ACIST-SL com a Parceiros Voluntários Unidade São Leopoldo que visa aproximar a comunidade das entidades assistenciais que atuam naquela região. São realizadas ações dentro das entidades tendo como convidado o público atingido pela entidade, tais como pais, crianças e idosos. Nestes encontros, são apresentadas as atividades desenvolvidas pela entidade e a importância do voluntariado. A ação surgiu após constatar que a comunidade não é participativa junto à entidade.

 

› Compartilhe

Top